Pesquisa personalizada

Olá Amigos e Amigas, Bem vindo!!!

A idéia deste Blog é com o intuito de fornecer informações sobre Ervas e Insumos em geral.

Através de um estudo arduo e minuncioso, conseguimos trazer para vocês informações sobre cada Erva para auxilio de estudo e orientação quanto ao uso.

Vale salientar que todas as Ervas publicadas neste Blog são de fontes verdadeiras. Essas são encontradas sempre ao final de cada texto.

Espero que este Blog seja útil para todos vocês e se possível divulguem para que possamos trocar idéias a respeito dessas maravilhas que a Natureza nos oferece de graça.

Voltem sempre, pois estaremos semanalmente atualizando este Blog com outras Ervas.

Para encontrar a sua erva preferida, clique nas datas ao lado e boa leitura!!!

Abraços,

terça-feira, 10 de março de 2009

Colágeno (Gelatina Hidrolisada)

As fibras são constituintes do tecido conjuntivo, os quais são responsáveis, em grande parte, pelas diferentes características dos diferentes tipos de tecido conjuntivo. Existem três tipos de fibras: as fibras colágenas, as fibras reticulares e as fibras elásticas.
O Colágeno pode ser encontrado no reino animal, sendo a proteína mais abundante neste e caracterizando-se como o principal constituinte dos ossos, peles e tecidos conectivos de todos os mamíferos. Essa é uma escleroproteína constituída de duas moléculas de tropocolágeno, que se alinham para formar a fibrila de colágeno. Várias fibrilas unidas formam uma fibra colágena e várias fibras formam um feixe de fibras colágenas, o qual é insolúvel em água.
Parte-se do colágeno de peles de suínos e bovinos e de ossos de animais para a produção deste produto. Utiliza-se um processo bioquímico, caracterizado por se promover uma hidrólise parcial, modificando a estrutura original da molécula, obtendo-se assim em um produto completamente solúvel em água fria, sem as características gelificantes da gelatina e de sabor e odor neutro.

Composição: A composição em aminoácidos do colágeno e em conseqüência da gelatina hidrolisada é a seguinte: alanina, arginina, ácido aspártico, ácido glutâmico, glicina, cistina, histidina, hidroxiprolina, hidroxilisina, leucina, isoleucina, lisina, metionina, fenilalanina, serina, treonina, tirosina, prolina, valina e triptofano.

Característica: Assim, de acordo com sua característica anfotérica propiciada pela hidrólise enzimática, a gelatina hidrolisada é solúvel em água fria e óleo; é estabilizante de emulsões; proporciona a clarificação de sucos e vinhos, devido a uma formação de complexos; é possível a capacidade de aeração; confere propriedades adesivas; possibilita a estabilização de espumas; facilita a dispersão.


Utilidades: Na indústria farmacêutica, pode ser empregado na encapsulação de vitaminas, óleos, agentes corantes e recomendado por muitos médicos como complemento protéico para pessoas com deficiências nutricionais.
A indústria cosmética utiliza este produto como emulsionante, como ingrediente ativo e protetor coloidal nas preparações cosméticas além de fonte de proteínas para a fabricação de cremes, xampus, loções e produtos para o tratamento de cabelos, pele e unhas.
A indústria alimentícia este produto tem muitas utilidades, dentre elas podemos citar: como estabilizante em cremes vegetais, como emusificantes em produtos cárneos e componente de bebidas prontas para beber.

Referência Bibliográfica: Literatura de nosso fornecedor.

Nenhum comentário: