Pesquisa personalizada

Olá Amigos e Amigas, Bem vindo!!!

Pesquise e estude sobre centenas de ervas disponibilizadas neste blog, com riqueza em informações, pois você irá se surpreender com os detalhes.

Para encontrar a sua erva desejada, veja nas datas ao lado e boa leitura!!!

Gostou? Ajude o blog a se manter no ar!!!

segunda-feira, 23 de março de 2009

Heléboro Branco


O Heléboro Branco é uma planta bulbosa e que possui um caule robusto. Ela apresenta uma altura de aproximadamente 60 a 120 centímetros. O rizoma é pequeno e cilíndrico. As folhas basais são verticiladas, largas, variando de elípticas para lanceoladas e com nervuras. A inflorescência é disposta em racemo medindo de 30 a 60 centímetros de comprimento e as flores são de cor branco-amareladas.

Nome Científico: Veratrum album L. Sinonímia: Helleborus albus Bauh.; Helleborus flore subviridi Bauh.; Melanthium bracteolare Desr.; Melanthium album Thunb.; Melanthium virens Thunb.; Veratrum bosniacum Beck.; Veratrum eschscholtzii A. Gray; Veratrum flore subviridi Tourn.; Veratrum lobelianum Bernh.; Veratrum oxysepalum Turcz.; Veratrum parviflorum Bong.; Veratrum polygamum Gilib.; Veratrum viride Roehl.

Nome Popular: Heléboro Branco e Flor da Verdade, em português; Weisse Nieswurzel e Weisser Germer, na Alemanha; Ballestera, Eléboro Blanco, Eléboro Europeo, Heléboro Blanco, Vedagambre Blanco, Veraria e Verdegambe, em espanhol; Ellébore Blanc, Ellébore Vératre, Hellébore Blanc, Vararire, Vératre e Vératre Blanc, na França; Wit Nieskruid, na Holanda; European Hellebore, European White Hellebore e False Hellebore, em inglês; Elaro Bianco e Veladro, na Itália.

Denominação Homeopática: VERATRUM.

Família Botânica: Liliaceae, subfamília: Melanthiaceae.

Parte Utilizada: Rizoma e raiz.

Princípios Ativos: Alcalóides (1-1,5%): de estrutura esteróidica complexa: grupo yerveratrum: yervina (50% dos alcalóides totais), veratramina e seus glicosídeos (pseudoyervina e veratrosina); grupo ce-veratrum: protoveratrinas A e B.

Indicações e Ação Farmacológica: O Heléboro Branco é indicado principalmente na Homeopatia, sendo desta forma usado nas cãibras, suores frios, diarréia aquosa e profusa, vômitos, cólicas, prostração, colapso e no tratamento de irregularidades de circulação. É um dos remédios mais importantes da diarréia infantil quando é aguada e abundante, além de ser também grande remédio para a prisão de ventre, por inércia intestinal, sem desejo de evacuar.
Na Fitoterapia é mais indicado para uso tópico devido à sua ação parasiticida. Não é recomendado o seu uso interno devido a constituir um poderoso irritante dos nervos sensoriais, atuando diretamente sobre receptores cardíacos, causando efeitos antihipertensivos e na freqüência cardíaca.

Toxicidade/Contra-indicações: Não se recomenda o uso interno de Heléboro Branco na Fitoterapia pois este apresenta uma pequena margem terapêutica, constituindo que a dose
terapêutica é muito próxima à dose tóxica.
A intoxicação por Heléboro Branco produz uma ação vesicante sobre as mucosas digestivas, com sensação de queimação, náuseas, vômitos, hipotermia, suores frios, diarréia e depressão dos centros nervosos cardíacos e respiratórios, o que pode ocasionar a morte. Dose letal (adulto) = 2 gramas da planta ou 20 mg de veratrina.
O tratamento da intoxicação consiste em promover o esvaziamento gástrico induzindo ao vômito, lavagem gástrica. Os espasmos podem ser tratados com diazepam ou barbitúricos (i.v.) e a bradicardia com atropina.

Dosagem e Modo de Usar:
• Homeopatia: 3.ª à 30.ª, 100.ª, 200.ª e 1000.ª. Na diarréia a melhor dose é a 5.ª e ás vezes 12.ª ou a 30.ª. Na prisão de ventre, a 3.ª.

Referências Bibliográficas:
• PR VADEMECUM DE PRECRIPCIÓN DE PLANTAS MEDICINALES. 3ª
edição. 1998.

• CAIRO, N. Guia de Medicina Homeopática. 21ª edição. 1983.

• PDR FOR HERBAL MEDICINES. 1ª edição. 1998.
SOARES, A. D. Dicionário de Medicamentos Homeopáticos. 1ª edição. Santos
Livraria Editora. 2000.

• VOLAK, J.; STODOLA, J. Plantas Medicinais, 1990.
Postar um comentário